sábado, 8 de fevereiro de 2014

O QUE O POVO QUE APOIA O PROGRAMA NÃO ENTENDEU AINDA É QUE O "MAIS MÉDICOS" É, ANTES DE TUDO, UM INVESTIMENTO EM CUBA

Para internautas, Brasil não deveria investir em Cuba
Maioria dos leitores de CartaCapital acredita que o Brasil não deveria negociar com um país que viola direitos humanos

por Redação — publicado 07/02/2014 15:09, última modificação 07/02/2014 15:53

CartaCapital perguntou a seus internautas se eram a favor dos investimentos do Brasil em Cuba. A ampla maioria respondeu à questão de maneira negativa: 81% dos votantes são contra a decisão, 66% por acreditar que o Brasil não deveria investir recursos em um país que viola direitos humanos e 15% afirmaram que o Brasil deveria usar este dinheiro para fortalecer seus próprios portos.

São favoráveis ao investimento na ilha caribenha 19% dos internautas. A maioria desses, 13%, acredita que o país tem localização estratégia e, por isso, é um importante ponto para ampliar os mercados do Brasil no exterior.

Outros 6% acreditam que o Brasil precisa se mostrar solidário à Cuba, que enfrenta dificuldades em decorrência do embargo econômico aplicado pelos Estados Unidos à ilha dos irmãos Castro.
http://www.cartacapital.com.br/internacional/para-internautas-brasil-nao-deveria-investir-em-cuba-1599.html


CUBA PODERÁ GANHAR ANUALMENTE R$ 713 MILHÕES COM MAIS MÉDICOS
Ao todo, 5.378 cubanos estão no Brasil, com remuneração de US$ 1 mil

2 comentários:

aldofranklin disse...

Ei Heltron, como é que vai pagar o Porto de Mariel? Vc nao pode esquecer que a Odebrecht investiu pesado e o governo Dilma aplicou U$ 683 milhões no negocio!
E por falar nisso os portos brasileiros estão todos muito bem obrigado rs!

Francisco Cardoso disse...

O bndes pagou à odebrecht via Cuba, que em tese tem que pagar ao bndes com juros... Deve ser com o dinheiro do mais médicos kkkkk