segunda-feira, 21 de outubro de 2013

PERDIDOS NO PLANALTO CENTRAL: DIRSAT DISCUTE CARREIRA E TRABALHO DOS PERITOS SEM PRESENÇA DAS ENTIDADES MÉDICAS, E NÃO CHEGA A LUGAR ALGUM.

Mais perdido que cego em tiroteio. Assim um informante da DIRSAT define a gestão do atual diretor Sérgio Carneiro. Recentemente, em 08 de outubro, houve uma convocação às pressas para discutir GDAMP e soltar uma Nota Técnica da Carreira de peritos. Nem ANMP nem Sindicato foram chamados e o resultado da reunião foi improdutivo, por falta de embasamento técnico dos presentes.
 
Hoje nova reunião, no fim da tarde, para discutir Reabilitação Profissional, tema tão caro ao discurso do Diretor da DIRSAT. Mais uma vez nada decidido.
 
Reuniões par agendar novas reuniões, excesso de viagens e quebra de hierarquia são sinais, segundo o informante, de que a DIRSAT está perdida em um mar de interesses distintos. Como exemplo da quebra de hierarquia, foi reportado que muitas das decisões tomadas seriam passadas primeiro à Secretaria-Executiva do MPS, antes de ser informado ao Presidente do INSS e em alguns casos o Presidente era "escanteado" das informações. 
 
A informação também diz que a DIRSAT não estaria levando para a reuniões de Diretoria Colegiada muitas das decisões tomadas em comum acordo com a Secretaria-Executiva. As reuniões que ele vem fazendo país afora não estão gerando mudanças, pois a DIRSAT apenas estaria fazendo um mise em scène já que não pretende recuar um milímetro em seu exótico e maluco projeto de nova perícia, baseado em uma espécie de bioesoterismo holístico rousseauniano que culpa os outros pelos males inerentes à natureza humana.
 
È como sempre dissemos aqui: Para quem não sabe onde quer chegar, qualquer caminho serve. Quem não sabe o que procura, não entende o que encontra.
 
ADENDO À NOTA: Na reunião de diretoria de hoje à tarde, o novo diretor de Orçamento, Lenilson, fez um preocupado depoimento sobre o Orçamento de 2013.  Deu a entender que existiria falta de controle da administração das diretorias e chegou a criar uma saia justa com a DIRBEN, ao dar a entender que essa diretoria ainda teria alguma reserva mas que não queria distribuir com as outras áreas. Farinha pouca meu pirão primeiro.

5 comentários:

E.G. disse...

Pois é. O que acontece que o governo NÃO QUER chegar a lugar algum. Por isso a cada 2 anos eles trocam o técnico de plantão por outro mais maluco ainda.

aldofranklin disse...

Isso nao é nenhuma novidade!
O DIRSAT nunca fez Pericia e nunca trabalhou de fato como Perito! É um fantoche do Berzoine no Lero-Lero da Pericia Multiprofissional!

Enquanto isso, os gastos com Auxilio-Doença cresce, com aposentadoria idem, com ACP idem! É o modo Petista de Governar! Se o calo aperta, aumenta mais um pouquinho a Carga Tributaria que os Contruintes pagam! Em 1988 era 23%, hoje representa 37% do PIB, como então tornar o PAís competitivo com tanta ingerência?
A Petrobras coitada, em 2007 tinha dívidas de 49 bilhões, hoje passa dos 176 Bilhos, tudo fruto dessa politica nao técnica e eleitoreira! Mas ATencao, um dia chega no fundo do poço hein! E com a Previdencia meus caros nao será diferente! Se já perderam 40% dos peritos nós últimos 3 anos e foram incompetentes em repor os quadros, imagine daqui uns 10 anos como estará?

Heltron Xavier disse...

Sérgio Carneiro é um impostor.
Fale o que esse cara fez até agora!?
Tanto para o trabalhador quanto para o governo?
E para os servidores nem se fala. Apenas promessas.

Perde tempo discutindo situações que já foram discutidas.
É a personificação do Retrabalho. É impressionante que o MPF caia anualmente no mesmo papo do INSS e aceite as mesmas desculpas esfarrapadas.

Francisco Cardoso disse...

É tudo um grande teatro e o MPF cumpre bem seu papel.

MAURICIO disse...

Ele me lembra muito o Caetano.
Ou não ...