terça-feira, 29 de outubro de 2013

COMO É COMOVENTE O SENSO SOCIAL DO MPF

PROCURADORES DA REPÚBLICA DEBATEM CIDADANIA. À BEIRA-MAR, NA BAHIA.

PROCURADORES DEBATEM CIDADANIA, ATÉ SÁBADO, EM RESORT BAIANO DE LUXO
comandatuba 02
O aprazível resort se localiza no litoral sul da Bahia

Procuradores da República de todo o País se reúnem à beira-mar, a partir desta segunda-feira (28), na Ilha de Comandatuba (BA), para o 30º Encontro Nacional dos Procuradores da República, para debater o tema “MPF na Defesa da Cidadania”. O resort Hotel Transamérica Ilha de Comandatuba informa, em seu site, que o preço da diária, neste período, custa R$ 1.111,00, mas é comum os organizadores conseguirem descontos especiais, em eventos do gênero.

O encontro vai se prolongar até sábado, 2 de novembro, o evento reunirá cerca de 250 membros da carreira, de todo o Brasil, para debater questões referentes ao aprimoramento da instituição. A Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) não informou se os associados estão dispensados de assinar o ponto, em suas repartições.

O objetivo, segundo os organizadores, é proporcionar aos procuradores da República uma oportunidade de crescimento e confraternização. Entre debates e palestras, eles participam de atividades esportivas e apresentações culturais.

A abertura do evento será nesta noite, com apresentação do vídeo sobre os 40 anos da ANPR, palestra com o ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal José Francisco Rezek. Na ocasião, estarão presentes da vice-procuradora-geral da República, Ela Wiecko, e o presidente da ANPR, Alexandre Camanho. A ANPR também não informou se o novo chefe da Procuradoria Geral da República, Rodrigo Janot, participará do evento.

No decorrer da semana ocorrerão outras palestras, como a de Jarbas Soares Júnior e Esdras Dantas, integrantes do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) que relacionarão a cidadania com o papel da instituição. Ainda está programada a participação de Gilberto Valente Martins, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), numa abordagem sobre corrupção e a Democracia brasileira, além de debates.

4 comentários:

Francisco Cardoso disse...

O encontro nababesco pago às custas do povo não é objeto de destaque nem na página do MPU, nem na do PGR nem na da PFDC.

Francisco Cardoso disse...

Será que vão "pensar a cidadania" a beira mar? Talvez externar preocupação com as "filas" do INSS entre um Mojito e um Cosmopolitan?

Com certeza depois da Piña Colada vão falar mal dos peritos.

Heltron Xavier disse...

E ainda tem o detalhe, só viajam de primeira classe...

Jose Luiz Pinheiro Lima disse...

A semana não é para isso ? Os procuradores socializarem entre si ? O Povo ? Eles não reclamam de nada, não se organizam e vão reeleger a Dilma, estão satisfeitos e não precisam de mais nada.