segunda-feira, 7 de outubro de 2013

O CALDO VAI FERVER NO CFM - JARBAS SIMAS NEGA UNANIMIDADE NO PARECER CFM 24/2013 E PROMETE COBRAR CONSELHEIRO.

Procurei essa semana o Presidente da ANMP, Dr. Jarbas Simas, para saber se era verdade o contido no equivocado parecer CFM 24/2013, da lavra do Conselheiro José Albertino de Souza, que extrapola suas funções e determina que PR (Pedido de Reconsideração) não é recurso e por isso não se enquadra no Parecer CFM 03/2010, que proibe médicos de participarem de recursos dos mesmos casos vistos na primeira instância.

Na segunda página do parecer escatológico o relator afirma com todas as letras:
"Instada a se manifestar, a Câmara Técnica de Medicina Legal e Perícias Médicas do Conselho Federal de Medicina emitiu a seguinte opinião, por unanimidade de seus membros presentes (...) O Parecer CFM nº 3/2010 refere-se a impedimento de médico que emitiu parecer negativo de um benefício participar de uma junta pericial do INSS, em fase recursal, não se aplicando ao PR."
Especificamente perguntei ao presidente da ANMP se era verdade o termo "unanimidade"  pois ele é membro da referida câmara técnica e foi a própria ANMP que solicitou o parecer. Dr.Jarbas negou categoricamente que isso tenha sido unanimidade e que ele não concorda com o parecer. Por óbvio, pedi que ele então se manifestasse publicamente e cobrasse o CFM por um parecer danoso à ética e aos peritos com erros grosseiros de conceituação que induzirão a autarquia a pressionar peritos, principalmente os de APS menores, a ficarem a toda hora expostos aos mesmos segurados já indefiridos no Ax1.

Essa exposição, além de indevida é perigosa ao perito pois o segurado já virá armado e as chances de violência em um país que estimula assassinos não são nada desprezíveis.

O Sindicato dos Peritos aguarda posicionamento público da ANMP sobre o episódio, bem como a prometida ação de seu presidente junto ao CFM para esclarecer os termos desse infame parecer. 

De nossa parte, estamos estudando possível representação contra o Conselheiro Relator, que será responsabilizado pessoalmente por cada ato de violência que qualquer médico perito do INSS vier a sofrer doravante em consequência de seu danoso e absurdamente equivocado parecer. O sindicato protocolará essa semana pedido de cópia da ata da reunião da Câmara Técnica do dia 30/08/2013.

5 comentários:

aldofranklin disse...

Será Chico?
Por que a Demora da ANMP pra se manifestar?
Ah, é aquela máxima "se colar colou?..."

Gustavo M. Mendes de Tarso disse...

Em 27/09/2013 recebi ameaça de morte de um segurado em PR em que eu fiz o Ax1. Será que já conta essa responsabilização?

Francisco Cardoso disse...

SIm, por favor nos mande o relato por favor.

Gustavo M. Mendes de Tarso disse...

Obrigado por responder, na verdade foi o único que dignou-se a me ajudar a despeito de ter avisado a todos. Para qual endereço eletrônico eu posso enviar?

Heltron Xavier disse...

peritomed@hotmail.com será encaminhado ao Chico e ao Sindicato também