quinta-feira, 31 de outubro de 2013

A PRESIDENTE E O PADILHA DIZEM: "MÉDICO RUIM NÃO SERVE PARA REVALIDAR DIPLOMA, MAS SERVE PARA ATENDER POBRE"

Com 92% de reprovados apenas na primeira fase do Revalida, uma prova tão fácil que mais de 80% dos alunos de universidades federais que a fizeram em caráter experimental foram aprovados, o governo já avalia a entrada desse excedente de reprovados no Programa Mais Médicos.

Ou seja, para revalidarem diploma e serem médicos de verdade, não dá pois foram tão mal na prova de conceitos básicos que não conseguiram sequer ir para a segunda fase. Mas para serem enfileirados no programa marqueteiro de Dilma e Padilha e irem aos rincões para atender pobres e desprovidos, ai pode.

Reparem bem: Estudantes brasileiros que fizeram a prova sem nenhuma obrigação pois não precisavam dela pra nada, apenas em caráter experimental, tiveram 80% de aprovação em média. Os estrangeiros e brasileiros formados lá fora que precisavam da prova para ter a revalidação, tiveram apenas 8% de aprovação e isso apenas na primeira fase.

O PT, Dilma e Padilha, criaram e oficializaram o conceito de "medicina de pobre". Aos pobres, vale qualquer coisa, desde que apalpe e faça pose pra foto de jornal pelego. Já para a Dilma e o Padilha, ai não, tem que ser médico de verdade. E dos bons, viu?

Dilma e Padilha criaram uma subdivisão do SUS: Agora temos o SUS com médicos de verdade, restrito apenas à poucas cidades do Brasil uma vez que os médicos estão abandonando o SUS após 25 anos de sucateamento e descaso público; E temos também o SUS com médicos de mentira (Mais Médicos), que não conseguem ser aprovados numa prova básica como o Revalida. Esses irão atender aos eleitores pobres lotados na margem da sociedade.


4 comentários:

tumpopolis disse...

E não consegue entrar na minha cabeça que além dos médicos sérios (chamados muitas vêzes de corporativistas, porisso), muito pouca gente se escandalize com isso e faça alguma crítica mais contundente!! Fazendo uma analogia, imaginem que uma companhia aérea começasse a contratar pilotos que não fosse aprovados, ou se negassem a se submeter a prova de proficiência de pilotagem comercial, com o apoio do governo? Imaginem a revolta nos aeroportos? Tá...quem anda de avião não é o povão. Êta classe média alienada...

sbe disse...

Tumpopolis voce esta correto como piloto te digo que seria grave. A unica diferença é que em acidentes uma aeronave comercial voce mataria uma cacetada de gente, com estes médicos do mais médicos voce mata pobre e cara que mora longe, para esta turma do PT não faz diferença

sbe disse...

Voce esta correto como piloto te digo uma aeronave comercial mataria um monte de gente, estes médicos do PT vão matar pobre e cara que mora longe para eles não faz diferença alguma

tumpopolis disse...

Sbe; you're damn right!!