quinta-feira, 31 de outubro de 2013

JUIZ INCAPACITADO SURFANDO

Qua, 30 de Outubro de 2013 14:03 Escrito por Caio Oliveira

O Juiz potiguar Guilherme Cortez tirou nesta semana licença médica para tratamento de doença. Só que o mesmo está no Peru praticando surf.

O juiz foi liberado para licença médica por meio do Diário de Justiça, no qual concedeu “ao juiz GUILHERME MELO CORTEZ, titular do 2ª Juizado Especial Cível Central da Comarca de Natal, 22 (vinte e dois) dias de licença para tratamento de saúde, com efeitos retroativos ao dia 14 de outubro, estendendo-se até o dia 04 de novembro de 2013?.

No entanto, o magistrado está no Peru. Ele postou uma foto na rede social Instagram onde aparece em uma praia no Peru.


30 de OUTUBRO 2013 às 21h24

O juiz Guilherme Cortez que publicou fotos surfando em praias do Peru enquanto estava de licença medica falou ao portal G1, o magistrado potiguar disse que teve as férias prorrogadas por indicação médica por estar sofrendo de “estresse”.

O juiz segundo o portal, cuidou de apagar algumas das imagens postadas na rede social.

As fotos, publicadas no instagram, ganharam grande repercussão porque Cortez foi beneficiado com licença médica concedida pelo presidente do Tribunal de Justiça.

Vejam o post falando da viagem do Juiz Guilherme Cortez: http://blogdobg.com.br/juiz-potiguar-posta-foto-surfando-peru-estando-licenca-medica/

14 comentários:

Francisco Cardoso disse...

Ah, tadinho, ele está com estresse? Nada mais relaxante que surfar nas pesadas e gigantes ondas do Pacífico, não?

por favor...

Eduardo Henrique Almeida disse...

São quantas férias por ano e recessos?

Francisco Cardoso disse...

O pior é ser torcedor do América-RN, ai é de f****

Fernando Antônio disse...

O nível de stress/ansiedade e a indicação de licença médica do trabalho é em relação à sua função laboral de juízo de direito,,,

viagem e atividades físicas/fisioterapia faz parte do tratamento de muitas doenças mentais/psíquicas e doenças reumatologicas/ortopédicas.

Fernando Antônio disse...

Deve ser convocado e realizado nova perícia médica para avaliar sobre cessação atual ou prorrogação da licença médica atual.

Heltron Xavier disse...

Pode ter se estressado com a má fase do América.... talvez

Luciana Coiro disse...

Quem pode, pode...

Francisco Cardoso disse...

Resta saber o que foi que estava escrito no atestado que apresentou...

Fernando Antônio disse...

A perícia médica é decisiva na avaliação Técnica da licença médica.

Em casos de licença prolongada ou acima da média para a patologia, pesquisa externa é útil para complementar a perícia médica periódica de eventual prorrogação da licença médica previdenciaria.

aldofranklin disse...

Que viagem do caraio!

75 dias de férias por ano, nossa senhora, que maravilha!

Vê aí as paisagens, só coisa linda, legal!

Ta recarregando as baterias, vai voltar zerado pra legislar que nem o Juiz Nicolau..

Parabéns Vossa Excelência, mó inveja... SESSENTA dias de Feeeerias e mais 15 de doença, SHOw de BOla!

Acabei de pensar, bom que vai extender pro trabalhador brasileiro, os 60 dias de férias com atestado! Só não tira quem é trouxa! E sem perícia também, vê que maravilha!

Gonçalves disse...

Se aqui fosse um país sério....

Heltron Xavier disse...

Vejam só a época que o trabalhador está potencialmente mais desestressado é quando volta das ferias. Solicitar 3 meses para desestressar... Suspeito. O F43.2, reação ao estresse grave, em todos os protocolos mundiais é 30 a 40 dias. Inclusive no INSS....

MAURICIO disse...

60 DIAS DE FÉRIAS
90 DIAS DE LICENÇA PRÉMIO A CADA 5 ANOS.
RECESSO JUDICIÁRIO FINAL DE ANO.
TURNO REDUZIDO NO VERÃO EM ALGUNS LUGARES.
CONGRESSOS MAGISTRATURA
LICENÇAS FAKE PLUS FALCATRUA COMO ESTA.
Trabalho mesmo......... Só se quiser

Fernando Antônio disse...

A junta médica do tribunal errou pois homologou licença de 15 dias, superior a 3 dias, sem a realização de perícia médica previdenciaria presencial.

Um caso suspeito pois stress e ansiedade descompensam no meio do semestre de trabalho e não após 30 dias de férias.