quinta-feira, 27 de junho de 2013

CASO DE POLÍCIA

Com atestado médico junto ao INSS, mulher trabalha em outra empresa

Caso foi registrado em Rio Verde, por responsável pelo setor de recursos humanos da empresa que a mulher estaria afastada.

A responsável pelo setor recursos humanos de uma empresa de Rio Verde de Mato Grosso, procurou a polícia na tarde desta quarta-feira (26), para registrar que uma funcionária, de 23 anos, afastada por motivos de saúde estaria trabalhando em outra empresa e recebendo do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

De acordo com o registro policial, a comunicante relatou que a funcionária está afastada por motivo de saúde com atestado médico junto ao INSS, mas estaria trabalhando em outras empresas e recebendo do Instituto.

O caso foi registrado como preservação de direito. (fonte: idest.com.br)

Um comentário:

Herbert disse...

Existem centenas de milhares que assim o fazem, mas informalmente. Enquanto não for como no exterior, com serviço de pesquisa (investigação) será assim, uma "manha" receber dois salários por mês, sob a desculpa de incapacidade laborativa.