quarta-feira, 3 de abril de 2013

Médicos do Brasil, não entrem nessa gelada em que o INSS quer vos enfiar, porquê:

1-Vai receber uma esmola pelo seu trabalho: 25 reais por consulta( 35,00 menos imposto e ISS)

2-Terá seu nome queimado frente à sociedade em função das incompreensões
relacionadas com a perícia médica.

3-Colocará sua segurança, e a segurança de sua família, sob ameaça constante, já que perito do INSS vive todo o tempo sob  ameaça decorrente do dever de combater às fraudes(veja o caso de assassinato da perita de Minas Gerais, Dra. Cristina)

4-Poderá responder civilmente por eventual concessão indevida, já que você não conhece a legislação previdenciária e terá seu trabalho auditado por quem a conhece profundamente;

5-Poderá responder a processo ético junto ao CRM por se colocar contra  movimento legítimo da categoria(Art. 78 do CEM).

Mas se você prefere viver perigosamente, humilhado e desvalorizado, go ahead.


7 comentários:

Eraldo Simões disse...

o risco será maior ainda se fizerem as avaliações em seus próprios consultórios

JOSÉ ALBERTO ARMÊNIO disse...

Tem cubanos, bolivianos . . .

Regi disse...

Preparem-se para serem filmados por pacientes e outros "falsos pacientes".........


serão processados e caçados pelos 25 reais.... e cuidado ao cobrarem por fora.....

vão parar na Globo por não terem examinado os periciados,não terem preenchido os documentos materiais/virtuais,ter maltratado os periciados,etc..etc...etc...

Ighenry disse...

Quero ver quem vai entrar nessa furada...

Vandeilton disse...

Gente, vocês não aprenderam nada com o Aldo? brasileiro é malandro, e aí se incluem também os médicos.
.
Só é perseguido, agredido, filmado, processado e caluniado quem INDEFERE requerimentos de benefício.
.
Então, qual é a mágica do médico credenciado? não negar.
.
Sobre ser fiscalizado por quem entende de legislação previdenciária, se referistes aos peritos, não sei não ... não boto muita fé que algum perito vá ferrar colega médico pelas burrices do INSS.
.
É lógico que o credenciado não manja de legislação. Não manja e nem tem obrigação de manjar. O INSS o contratou sabendo disto. Portanto, não faz sentido ferrar o cara por algo que ele não escondeu de ninguém, ao ser contratado.
.
Agora, há um motivo para os credenciados não virem: no último credenciamento, o INSS atrasou o pagamento, e em muitos casos não pagou aos credenciados.
.
Se tem uma coisa que não esquecemos é de alguém que nos deve.

Fernando Antônio disse...

Pode haver facilmente propina para o perito médico terceirizado deferir mais tempo de benefício.


A secretária do perito médico terceirizado pode pegar tipo 100 reais por cada mês deferido na perícia.


Não há como fiscalizar a atividade do terceirizado, nem mesmo se realmente o segurado/trabalhador que compareceu à perícia realmente é o segurado/trabalhador em questão. Exceto se o INSS solicitar fotos do periciado e das lesões encontradas no exame físico.

Regi disse...

Nobres colegas,

conheço 3 "cidadãos" que já disseram que vão e usarão seu familiares para efetuar algumas filmagens... além disto 2 médicos já se passaram por simples periciados para obterem äs informações necessárias"....

e mais, já tem coisas acontecendo neste momento que posteriormente serão desveladas......aguardem !