segunda-feira, 29 de outubro de 2012

PROFISSÃO PERITO - A INEFICIÊNCIA DO ATENDIMENTO AO PÚBLICO


Eu sempre insisti na tese de que o que torna o ambiente da Perícia Médica no atendimento tão hostil não é exatamente a questão da agressividade de alguns segurados ou falta de resolutividade e respeito. Para estes dois existem brechas do sistema, embora amorais, anti-éticas e mesmo ilegais como, por exemplo, a prorrogação sem critérios dos benefícios por questão de segurança e o descompromisso para com o INSS que faz com que simplesmente o perito não se importe com nada de nada além da sua atividade privada. No entanto, existe uma questão irremediável na vida profissional do Perito Médico que é a completa desorganização do atendimento. Isso sim dá dor de cabeça porque ainda não há mecanismos de proteção. O Perito Médico quer dar o benefício de qualquer forma e a qualquer pessoa para se ver livre, mas não pode, não consegue. Se vê obrigado a fazer perícias indignas e superficiais correndo contra o relógio que é inflexível. É obrigado a ver o administrativo passar 1 hora e meia habilitando um segurado calmamente para enviar para o perito faltando 5 minutos para o término do seu expediente. É obrigado a atender pessoas irritadas famintas, sedentas e com ódio do sistema. É obrigado a atender quem não chega na hora, quem esqueceu os documentos, quem tem pendências, quem não tem sequer direito a ser periciado. Isso é o que acaba com a Profissão. Falta de autonomia e submissão aos erros de outros. A foto acima é da minha própria agenda, para exemplificar o que acontece na APS, e que ninguém tem coragem de resolver e buscar uma solução. 

3 comentários:

Heltron Xavier disse...

As soluções básicas são:

1) Apenas agendar a perícia médica quando estiverem resolvidas todas as pendências administrativas

2) Segurado com documentação incompleta que precisar sair da APS deve que ter a Perícia Médica remarcada para não atrapalhar a agenda de outros

3) Respeito a autonomia profissional do perito médico do INSS sem imposição de tempo algum para sua análise exatamente como nos habilitadores.

aldofranklin disse...

Ai vc acordou né?!
Aqui é País faz de conta! Quando for meio-dia o administrativo vai almoçar mas antes solta uma Caralhada de Perícias pra vc atender em tempo recorde....
O importante é fazer a Perícia Humanizada=Conceder adoidado! Com isso vc evita as agressões e volta pra casa inteiro! Se ninguem ta nem ai pro trabalho do Perito, se ninguem se preocupa com o dinheiro da Previdência, é vc que vai colocar sua cabeça a prêmio, correndo o risco de levar um tapa, uma facada ou um tiro na cabeça? Cai na real companheiro!

Eduardo Henrique Almeida disse...

É um erro querer resolver tudo na mesma tacada. O INSS tem como dogma imexivel essa bobagem impraticável. Héltron tem toda razão!
O INSS é o lobo do INSS!
O perito é o bode expiatório de sua incompetência gerencial crônica.