quinta-feira, 25 de outubro de 2012

JORNAL ZERO HORA

Promessa não cumprida
25/10/2012 | 06h02
Tempo de espera por perícia no INSS pode chegar a 89 dias
Prazo de entrega de solução está prestes a terminar e órgão não consegue vencer problemas gerenciais
http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/noticia/2012/10/tempo-de-espera-por-pericia-no-inss-pode-chegar-a-89-dias-3929414.html

3 comentários:

Heltron Xavier disse...

Completamente previsível.
Não existe prazo que dê certo no INSS para implantar nada, salvo para descontar do servidor, que é quase instantâneo, o resto é ao Deus-dará. Nunca vi.

Qualquer sistema demora anos internamente. SISREF, SABI, SIBE, SUIBE... E o pior, 100% vem demorado e com defeito previsível. Por isso desde o começo sabíamos que esta história de benefício sem perícia não iria vingar.

Ainda me lembro há uns 3 anos com o novo instrumento de avaliação para o BPC_LOAS com treinamentos e muita Popa. Um colega levantou o dedo na apresentação do administrativo e disse. Sim, o Recurso do Loas fazemos onde?
O palestrante ficou branco de pálido e disse que "iria levar a sugestão porque não tinha previsto isso"

É tanta coisa que nem dá para falar.

Francisco Cardoso disse...

Nós avisamos...

aldofranklin disse...

Aqui meu amigo e tanta incompetência que nada mais surpreende! Como é que pode um indivíduo apresentar algo sem que todo o processo possa ser feito como o Recurso?
É ate piada depois o perito fazendo no papel! Que país piada! Que autarquia piada, cheia de ignorante!
Sejamos realistas, o medico é das classes mais intelectualizadas deste país mas quando inserindo num meio recalcado e de complexados, veja o que acontece...
Se 70% dos atendimentos é feito por medicos por que não a estrutura ser gerida por medicos?
Por que não institui-se provas para os cargos de gestão? Medo?