terça-feira, 3 de setembro de 2013

EXONERÔMETRO MIL

Dr. Karlson Loyola, médico cirurgião torácico registrado no CRM-PR, residente em Ponta Grossa, classificado no concurso de 2011 (publicado em 27/03/2012) e nomeado para o cargo em 11/06/2013 junto à APS Castro da Gerência do INSS em Ponta Grossa - PR, se tornou na data de hoje no MILÈSIMO Perito Médico Previdenciário a sair do INSS desde o início da contagem do exonerômetro em julho de 2011.

A portaria de exoneração a pedido do colega médico foi publicada na data de hoje no DOU, junto com a saída de mais 4 colegas (3 aposentados e 1 exonerado por não tomada de posse). O exonerômetro mil ter sido quebrado por um colega que não ficou nem 3 meses no cargo é a prova do mal que sofre a carreira, morta e sem atrativos. O outro exonerado do dia sequer posse tomou. Mais emblemáticos impossível.

Com isso o cronômetro do Exonerômetro 1.000 crava no -02 e será encerrado por este blog. Agora contaremos apenas o total de exonerações/aposentadorias desde 01/01/2010, que já está chegando nos 2.000.

O exonerômetro mudou a história da perícia médica pois evidenciou a todos a grave doença que a categoria vinha sofrendo. Antes, só bobagens eram ditas sobre os problemas da carreira. Hoje, o exonerômetro virou referencial e marcador da incompetência gerencial inssana. 

Os gestores nada fizeram até hoje e continuam deixar a classe sangrando largada no asfalto, enquanto procuram na alquimia e na psicodelia as soluções para o problema da fila da perícia médica, soluções que jamais encontrarão pois quem pode resolver está sendo massacrado e sangrado.

1.000 exonerações/aposentadorias em 25 meses dá uma média de 40 saídas por mês, ou 2 por dia útil. O pior é que essa taxa vem acelerando nos últimos 12 meses. Nesses níveis, em 100 meses, ou 9 anos e 4 meses, não haverá mais peritos, isso se a velocidade apenas se mantiver igual à atual.

Continuaremos a publicar diariamente os nomes das vítimas dessa guerra inssana, enquanto nosso Comissário continua vivendo perigosamente em cima de sua Harley Davidson entre o INSS e seus empregos na CNC e na Novacap. Born to be wild.

O Exterminador de Peritos - na APS mais próxima de sua casa.

9 comentários:

E.G. disse...

Pergunta: Esse é o técnico do seguro social mais bem pago do Brasil (15.000 + jeton de 4000) em férias no exterior ou uma foto qualquer ?

Francisco Cardoso disse...

Ele mesmo.

Expeditp disse...

Caro Heltron e demais colegas; sinceramente eu não entendo como vocês ainda continuam no INSS.

Em todos os setores da medicina temos coisas que nos "enchem o saco"; certas chateações. No entanto o INSS é terrível; principalmente pelos cargos de chefia ter pessoas tão despreparadas e muitas vezes sem sequer ter o segundo grau completo.

Uma das minhas pacientes foi gerente de uma APS aqui em São Paulo; passava comigo particular e posso dizer que ela é extremamente limitada (intelectualmente falando).Certa vez começamos a falar do SUS, INSS enfim uma conversa informal: para meu espanto tive de dar uma aula pra ela. Concepções erradas sobre os médicos/ ética médica...

Já para falar de partido aí era uma desenvoltura só.

Ficava pensando nós médicos tendo tal pessoa como "chefe". E pior quem a nomeou?

Vejo nesse blog colegas que escrevem tão bem; desenvolvem ideias com bons e sólidos argumentos; porque eles não fazem perícias cíveis/ pericias para JEC...
Auditoria (que paga bem); Medicina do Trabalho (não como medico examinador mas como coordenador do PCMSO)...

Será que é só isso: Entrar para o INSS e esperar a aposentadoria??

Uma das poucas coisas que ato médico deixou claro foi sobre pericias e ensino medico (pós graduação); com essa experiência de INSS muitos cursos pagam por aulas referentes ao INSS. pelo menos aqui em São Paulo é assim.

Há vida fora do INSS; há outros concursos;

no meu caso; Médico Legista + Pericias Cíveis (Perito do Juiz) / Pericias para a JEC -Juizado Especial Cível; Atendimento Ambulatorial 1 vez semana (vinculo estado)

Se vcs forem mais espertos (e com certeza são) irão ser assistentes técnicos que é muito melhor do que ser Perito do Juiz;

Claro que há problemas... claro que há coisas a serem melhoradas aonde trabalho; mas esses problemas nem passam perto do que vcs tem no INSS.

O INSS tem de ser punido com fuga de cérebros; e aqueles acomodados que se lasquem tomando esporro do técnico do seguro social.

Pensem em vcs. Pensem nas suas famílias. Deixe o PT lotear, liberar benéficos, colocar técnico do seguro social em todas as chefias e comissões. Deixe o psicossocial abrir as comportas do tesouro nacional.

Infelizmente não dá pra mudar. E vc como médico tem experiência; tem conhecimento; e isso vc leva quando sai.

Tem receio? Tem duvidas? peça licença não remunerada. Se não de certo vc volta.

Mas tenho certeza. Ao se entregar a vida aqui fora; prestar outros concursos... vcs não voltam.

Mandem uma banana para a ANMP e suas negociatas. Enfim, acabou.

Anderson disse...

Não suspendam o exonerômetro! Ele é como o monitor que mostra o paciente bradicardizando, até parar.

ED TOR disse...

Expeditp , no meu caso e espero que de outros colegas que voce cita , a nossa LUTA É IDEOLOGICA APARTIDÁRIA.ESTAMOS CONVICTOS QUE O BRASIL NAÇÃO MERECE UMA PREVIDENCIA ESTATAL ATUARIAL, AUTOSUSTENTÁVEL, MERITOCRATA, QUE CUMPRA O SEU PAPEL DE SEGURAR A APOSENTADORIA E DIGNIDADE DE SEUS CONTRIBUINTES.
O QUE NÃO QUEREMOS É SER MASSA DE MANOBRA DE UM PARTIDO , DE UM GOVERNO , QUE AO INVES DE PRATICAR POLITICA DE ESTADO POR SOBRE A PREVIDENCIA , PRATIQUE POLITICA DE SEU GOVERNO SOBRE A PREVIDENCIA. PARA MIM É CLARA A INTENÇÃO DO GOVERNO ATUAL UTILIZAR O CRM DO MEDICO PARA "DAR VALIDADE E CREDIBILIDADE " NA DISTRIBUIÇÃO SOCIAL DE RENDA COM FINALIDADE ELEITOREIRA.
VOCE ESTÁ CERTO, O PT APARELHOU TODAS AS GERENCIAS E APS DO BRASIL , COM SIMPATIZANTES DO PARTIDO. POSICIONOU OS COMO CHEFES E OLHEIROS.
POR ISTO EU NÃO SAIO , POIS O MEU SILENCIO , CUSTARÁ A PERPETUAÇÃO DA DESTRUIÇÃO DOS VALORES QUE VERTI AO INSS AO LONGO DE MUITO, MUITOS ANOS DE TRABALHO HONESTO.

E.G. disse...

Não é meu caso. Entrei achando que era outra coisa. Quando vc ve se afastou do mercado de trabalho, vai negando pequenos trabalhos por causa da incompatibilidade, tem sempre a esperança de que vai melhorar e ai o INSS toma conta do seu horario e das suas forças e nao consegue mais sair. Estou montando a vida la fora e aguardando o momento certo de sair. Quero que o INSS se exploda idem o aldo.

Francisco Cardoso disse...

Poucas vezes nos identificamos tanto em um comentário como o do colega Expeditp.

Anderson, não acabou, apenas a contagem regressiva. Agora contaremos o acumulado desde 2010 e já está quase nos 2.000 exonerados.

Heltron Xavier disse...

Se pensarmos no aspecto qualitativo que é como deve ser avaliada a perícia médica, a exoneração de um perito experiente é algo terrível para a instituição. Entendam que não se trata de uma atividade de produção e sim analítica e investigativa. Um bom perito demora mais de 3 anos para ser habilitado e mais outros 3 para compreender detalhes da função.

A propósito, colega, estou afastado das atividades de Perito Medico, à pedido, e sem remuneração. Atendendo apelos como alternativa ao irreversível .

MAURICIO disse...

O Exterminador da Aposentadora do Futuro.

Faltou a Comandanta na garupa.

Há tantos burros mandando em homens de inteligência que às vezes fico pensando que a burrice é uma Ciência". (Ruy Barbosa)