sexta-feira, 15 de março de 2013

BARRACO EM SALVADOR

Não acabou bem a reunião técnica dos médicos peritos ontem em Salvador. Após quase 3h de exaustiva reunião, o SST pediu um aparte para as chapas se apresentarem rapidamente. A chapa 1 não se fez representar, o que bota em dúvida a sua capacidade de representação. A chapa 2 falou através de seu candidato a diretor secretário por pouco tempo e distribuiu folhetos de propaganda e ficou à disposição para debate posterior respeitando o cansaço dos colegas. 

O candidato da chapa 3, conterrâneo dos colegas e ex-presidente da ANMP, começou apresentando slides e usou um tom agressivo na propaganda. Ao ser questionado por um colega sobre isso, respondeu atravessado ao eleitor e começou um bate-boca que quase acaba em pancadaria. Por fim, a apresentação acabou precocemente e ficou a certeza que a postura centrada da chapa 2 é a mais aceita pelos colegas. Sem bravata e sem pelegos.

Nao agradou

Alguns colegas de Salvador já estavam injuriados pois souberam que o candidato da chapa 3 estava falando mal da ex-DIRSAT pois a mesma não teria aceito um pedido seu para que a diretora colocasse em um cargo especial em Brasília uma perita da predileção do candidato. Falar mal dela de novo na frente deles foi a gota d´água, pois trata-se de colega muito estimada pelos seus pares.

Chega de bravata

Ficou a certeza entre os colegas que a ANMP não pode mais ficar entregue entre os extremos da briga eterna e o do peleguismo crônico. É necessário mudar.

2 comentários:

Igor disse...

Eu que sou de Salvador-BA já votei e é CHAPA 2 na cabeça!

Paulo Taveira disse...

Obrigado Igor. Faremos de tudo para que vc e todos os colegas que nos apóiam não se decepcionem jamais. Estaremos sempre ao lado dos colegas!Podem contar com isto!Em todos os momentos!Grande abraço!