sexta-feira, 8 de novembro de 2013

ENQUANTO VEREADORES FRAUDAM LICENÇAS MÉDICAS (VIDE ABAIXO), "MOVIMENTO CARLOS CHAGAS" FRACASSA ROTUNDAMENTE.

"Movimento Social" criado por vereadores da região centro-oeste mineira, em especial na cidade de Divinópolis, fracassa em provar casos de "erros de peritos médicos do INSS".

Anunciado com estardalhaço nas mídias locais, todos os casos encaminhados por vereadores como sendo "comprovadamente de pessoas inválidas atestadas com exames" se mostraram bem diferentes quando da análise recursal feita por peritos independentes da SR-II, segundo informações obtidas por este blog.

Nenhum dos casos se configurava em erro de benefício e a vasta maioria se enquadrava em casos de doenças instaladas previamente à entrada/reentrada do cidadão no RGPS, tentativa de fraude mais comum contra o INSS.

Ou seja, pessoas inválidas mas cuja DII é anterior à filiação ou reentrada. Ai não dá, né? 

Com o fracasso dessa investida, feita puramente de forma midiática em um clássico exemplo de política do holofote, os ativistas vereadores já iniciaram uma saída de campo, "ampliando o tema" para coisas tão complexas como serviços de Concessionárias de água, pedágios, menor aprendiz e a Copasa. 

Ainda insistirão nos peritos para manter mídia, mas agora nós é que queremos saber: Como está o cumprimento das leis em vossos municípios, caros vereadores? E a violência? Os senhores cumprem os horários certinho? Quais políticas estão sendo feitas para minorar diferenças e ajudar à população socialmente vulnerável?

Nada como um movimento espalhafatoso para ampliar horizontes e, quem sabe, garantir um estadual ou até mesmo federal, não?

Um comentário:

Alexander Kutassy disse...

Populacho ignorante e anônimo só pode eleger do que entende: vereadores ignorantes e anônimos.