terça-feira, 7 de janeiro de 2014

URGENTE: FURO EXCLUSIVO PERITO.MED: CUBANO DO MAIS MÉDICOS É INTERNADO EM ESTADO GRAVE COM MENINGITE E TERIA TIDO PAGAMENTO SUSPENSO PELO GOVERNO.

Desde o último domingo, 05/01/14, o intercambista "R.", cubano do Mais Médicos trazido ao Brasil junto com sua esposa (também intercambista do Mais Médicos), encontra-se internado em estado grave na UTI do Hospital Centenário em São Leopoldo com Meningite Bacteriana Aguda.
São Leopoldo fica na região metropolitana de Porto Alegre e recebeu 5 cubanos do Mais Médicos. A esposa, que o acompanha e obviamente está abalada, também deixou de atender.
Segundo denúncia trazida a este blog, por não estarem em atendimento, o Ministério da Saúde teria cortado o pagamento.
Médicos brasileiros solidários ao caso estão prestando a devida assistência que o negligente Governo Dilma/Padilha deixou aparentemente de prestar. Não há notícias de nenhum tutor ou representante do governo acompanhando o caso, até agora.

Se interessar, caso a intercambista cubana ou a quem conheça levá-la este conhecimento, ambos poderão solicitar junto ao INSS auxílio-doença (no caso, ela em nome dele -internado em UTI- e em próprio nome) e, em caso de enquadramento médico e administrativo, receberem diretamente, sem intermédio do Governo, o benefício solicitado.

O referido hospital é público, claro. O Sírio Libanês é só pra Dilma, Fidel e Padilha.

8 comentários:

Eraldo Simões disse...

Não os leve ao INSS, mas à Embaixada dos Estados Unidos !

Gil Rikardo disse...

-Não sou médico ou coisa parecida, simplesmente acompanho as noticias, e o que chama minha atenção é que os CUBANOS gostam de jogar para os Médicos brasileiros os pacientes cujo diagnóstico não realizaram, assim é fácil!

Vandeilton disse...

Difícil conseguir o auxílio-doença. Começaram a pagar o INSS há poucos meses e meningite bacteriana não isenta carência.
.
Agora, podem conseguir o LOAS, pois como ambos não recebem nada, a renda per capta é zero. Situação social de desamparo se qualifica pela diferença cultural, de idioma e ausência da família e amigos.

walquiria catenacci disse...

Estou com pena dele. Com cereteza ficará desamparado pelo governo. Mas os médicos brasileiros são muito hons e solidários, com certeza o ajudarão. O problema está nos direitos legais, que certamente ele não tem. Eita país fu......

aldofranklin disse...

Qual a surpresa?
No PR, importante hospital tá sem pagar os medicos desde março e eles estão lá feito otários trabalhando de graça, antes fossem metalúrgicos da GM de São José, onde a empresa demite 450 operários e ate os Ministros do Trabalho e da Economia vão conversar com os Empregadores!
E no caso do Cubano, nao ta trabalhando, não recebe, qual a novidade? E se nao tava pagando INSS não tem direito, qual a surpresa?

Eduardo Henrique Almeida disse...

Mas tá na lei do mais médicos, só recebe se trabalhar. Direito trabalhista = zero.

Róbson Silva disse...

Parece ironia não é? Alguém vir para ajudar a curar e estar morrendo à mingua.
O governo brasileiro deveria ser denunciado à ONU para ser indiciado, julgado e condenado a pagar por falta de socorro ao estrageiro a seu serviço escravo.

Róbson Silva disse...

Parece ironia não é? Alguém vir para ajudar a curar e estar morrendo à mingua.
O governo brasileiro deveria ser denunciado à ONU para ser indiciado, julgado e condenado a pagar por falta de socorro ao estrageiro a seu serviço escravo.