quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

SEM MINISTÉRIOS, GABAS DISPUTA AGORA SEGUNDO ESCALÃO DA CIVIL

Nota da Folha de São Paulo mostra a guerra nos bastidores do poder em Brasília mais fervente que nunca. Preterido na Casa Civil pela Presidente Dilma, e agora com seu cargo de Ministro da Previdência ameaçado pela reviravolta de postura do atual Ministro nos últimos dias, restou pouco espaço ao Comissário. 

Se Garibaldi não sair, ficar onde está será encarado como perda de prestígio para Gabas. Por isso, a luta para ser o número 2 da Casa Civil, e não mais do MPS, onde está empacado desde a posse de Lula em 2003.

Mas existem rivais....

Coluna Painel - Folha de São Paulo 22.01.2014
"A ida de Aloizio Mercadante (PT) para a Casa Civil não encerrou a disputa por cargos na pasta. Setores do PT querem que seu número dois seja Carlos Gabas, secretário-executivo da Previdência. No Planalto, a preferência é por Valdyr Simão, ex-presidente do INSS."

6 comentários:

Heltron Xavier disse...

Gabas teve sua chance. Nada fez. Volta pro balcão

aldofranklin disse...

O Gabas está em alto escalão do MPS desde 2003, opinando em praticamente tudo, entretanto quais foram os ganhos reais que a Previdência teve sob sua tutela?
O que se viu de 2002 a 2014 foi apenas o aumento de gastos REAIS acima do PIB no período, com o pagamento de benefícios Previdenciários e acidentarios!

De 2002 a 2006 ocorreu crescimento vertiginoso do auxilio-doença, bem como aumento de despesas com sentenças judiciais!la

A media do crescimento da despesa real do gasto do INSS de 2000 a 2010 foi de 5,9% ao ano e no numero de benefícios, de 3,4% o que traduz o aumento do piso previdenciário e o valor aumentado ano a ano pago pelos benefícios!

O grande entrave é a falta de crescimento econômico! Com desemprego em alta, PIB em baixa, sobressaem aos olhos a incompetência na gestão da Autarquia! Voar em céu de brigadeiro é fácil, difícil é na tempestade e hoje o que temos é reflexo disto que ocorreu no passado recente!

As aposentadorias vão ser financiadas pelas receitas do Pre-sal? Ou a conta será paga por nossos filhos?

Portanto Companheiro Gabas, agradeça por ter ficado todo esse tempo no MPS, com direito a diárias, Jetons e demais regalias, sem que de contrapartida ter feito ou realizado qualquer grande atitude de gestor ou qualquer resultado prático que possamos enxergar no momento, positivo claro!

A razão de ter sido preterido é sobretudo por não ter mostrado "a que veio" durante essa década que fez "dança das cadeiras" na cúpula do INSS!

Vou dizer algo que não sei se muitos compartilham mas acredito que os servidores tem Saudades do Valdyr Simão e particularmente acho o mesmo muito mais gabaritado para ir ao Planalto!

Chico, você lembra de algo positivo que o Gabas fez para o INSS ou MPS? Você lembra de algo Heltron?

Anderson disse...

Quando eu vejo Gabas ou Valdir Simão cogitados para cargos de alto escalão, eu penso que bons mesmo são os marqueteiros deles [os bichos fazem milagre!]. Só mesmo bons marqueteiros para manter em evidência dois administradores tão ruins. Definitivamente o Brasil é o país das aparências.

Eduardo Henrique Almeida disse...

Quando Lula assumiu em 2003 o Gabas foi para Superintendente de SP. O Ministro era o Berzoine e o Secretário Executivo o Paulo Bezerra. Creio que o Gabas tenha assumido no ministério com o Amir Lando em 2004 quando o PT passou o cargo pro PMDB mas se garantiu na vice.

Alberto Suen engecom disse...

São sempre os mesmos...será que não tem ninguém melhor pra ocupar esses cargos? Alguém que seja competente e realmente preocupado com a população? Ah, esqueci que no PT, quanto mais incompetente, mais alto é o cargo ocupado...

Regi disse...

http://guiadoestudante.abril.com.br/profissoes/saude/obstetricia-687251.shtml