quarta-feira, 15 de abril de 2015

BANCOOP CHEGA À LAVA JATO. SE CUIDA MINISTRO!!

Uma das justificativas da prisão preventiva do tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, hoje, foi a linha de continuidade dos delitos desde 2004, e citou especificamente o processo da Bancoop, cooperativa do Sindicato dos Bancários de SP, envolvida em crise de desvio de dinheiro já judicializado há alguns anos, da qual Vaccari foi presidente de 2005 a 2010.


Carlos Gabas, Ministro da Previdência Social, foi do conselho fiscal e, portanto, dirigente dessa cooperativa (bancoop) e muito próximo a Vaccari, conforme já alertamos ano passado:

http://www.perito.med.br/2014/11/sigilo-de-vaccari-e-quebrado-e-agora.html?m=1

Estão estourando escândalos de rombos bilionários nos fundos de pensão estatais, como o Postalis, Funcef, Petros, etc. Todos esses fundos foram comandados por egressos do Sindicato dos Bancários de SP. Esses fundos são regulados pela Previc, órgão ligado ao MPS, na qual a esposa de Gabas, servidora pública, foi lotada em 2010 quando do primeiro Ministério de seu marido.

Vaccari, Bancoop, Gabas, Previc, Postalis....

Se cuida, Ministro!

Para saber mais:
http://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/504689/noticia.html?sequence=1
http://www.midiaindependente.org/pt/red/2008/07/423622.shtml
http://oglobo.globo.com/brasil/anos-apos-compra-imoveis-inacabados-acabam-em-boletim-em-delegacia-14761865
http://tv.pps.org.br/portal/showData/273570









3 comentários:

Snowden disse...

Os caras "ganharam" muito dinheiro!
E sabe pq pegaram o Vaccari?!.. Pq se apertar ele chora e entrega o pessoal, ele descompensa, ele não é que nem Dirceu...

Heltron Xavier disse...

E Padilha também se ligue. O Ministério da Saúde já está comprometido também.

Paulo Taveira disse...

Cambada de ladrôes. Esta da Bancoop deixou gostinho de que o crime compensa, mas parece qe o país mudou apesar dos petralhas.