sexta-feira, 24 de junho de 2016

BASTIDORES DA QUEDA - DIA DE SÃO JOÃO, O DIA QUE A QUADRILHA DANÇOU, VIVA SÃO JOÃO!!

Na foto: Muita comemoração na noite de quinta, mal sabia Elisete que sua cabeça já estava cortada.

Desculpem não ter postado nada nesse dia histórico, 24 de junho, Dia de São João, o dia em que a quadrilha dançou lá em Brasília.

É que fui comemorar com muito rojão, pula-fogueira e pé-de-moleque.

Porém como o assunto bombou na rede social, todos foram devidamente informados da demissão coletiva dos diretores do INSS, VALEU ANMP!!!!

Mas agora vamos aos bastidores da queda, as fofocas mais quentes desse dia histórico:

1) Ninguém foi avisado.

O Governo não avisou ninguém. Conforme foram chegando ao trabalho, os dirigentes foram avisados e um a um começaram a se ligar, transtornados. Achavam que ficariam, pelo menos, até o impeachment finalizar.

2) Steffanuto, Sílvio e Sueli vibraram como nunca.

O Procurador Stefanutto, o Corregedor Sílvio e a Auditora Sueli vibraram como se fosse gol em final de Copa do Mundo. Não sabemos se por alívio de terem ficado fora da lista ou por terem se livrado da Elisete, mas vibraram muito.

3) Cinara desespera e chora compulsivamente.

Cinara desesperou pois sofreu três perdas consecutivas: foi demitida da DIRBEN, seu apoio político foi fulminado ontem (Senadora Gleisi Hoffman) e sua articulação para virar Secretária-Adjunta da Previdência Social, articulada por Brunca, também foi pro espaço hoje. O próprio Brunca está pela bola sete no seu cargo depois de ontem.

4) Atos de Sérgio Carneiro e Cinara precipitaram queda.

Quando a ANMP levou ao Ministro-Chefe da Casa Civil todo o cenário de destruição gerencial e de libertinagem administrativa promovida pela diretoria destituída, já seria o suficiente para demitir imediatamente toda a diretoria do INSS. Mas a gota d´água foi a exibição dos memorandos 06 e 10, um ordenando a feitura de revisão de benefícios longos por assistentes sociais e o outro mandando o administrativo cadastrar isenção de imposto de renda sem perícia médica. 

5) Stefanutto na mira.

Se não fosse o fato de ser da AGU, Stefanutto teria rodado hoje também. Não passou em branco para o governo que todos os atos de irresponsabilidade administrativa cometidos pela diretoria de Elisete terem tido a chancela jurídica de sua lavra. Porém a dispensa de Stefanutto será tratada com o AGU nos próximos dias, os dias que ele tem para se arrepender, revogar tudo o que assinou e se realinhar com os peritos e o governo.

6) Sindicatos de pelegos foi pego de surpresa e ficaram com cara de pastelão.

Sindicatos de pelegos que dizem representar os servidores do seguro social estavam muito ocupados protestando contra o "golpe" quando viram a ANMP se reunir na Casa Civil e no dia seguinte a diretoria amiga do INSS ser defenestrada. Começaram a chiar e reclamar que "não foram ouvidos". Ledo engano, foram sim: o governo sabe que eles estão gritando "contra o golpe" desde a queda de Dilma. E eu pergunto: Se o governo é golpista, porque querem ser ouvidos? Incoerência petista clássica.

7) Festa e Rojões Brasil afora,

A notícia do fim da Era Gabas e das Gabetes foi recebida com muita festa, pé-de-moleque, paçoca, quentão, fogueira e fogos em todo o sistema previdenciário. De norte a sul o alívio e as comemorações foram sem cerimônia, contrastando com a cara de peido dos petralhas ainda encrustados nos cargos comissionados (claro, gritam golpe mas não largam o osso).

Na foto: Servidores em júbilo com a exoneração da Elisete.

Um comentário:

Mariz M disse...

Essa gente que tanto mal fez a perícia médica e consequentemente ao INSS (e ao Brasil), já vai tarde, muito tarde. Espero que, agora exonerados de seus cargos, lembrem-se dos milhares de peritos que precisaram sair em função das perseguições e do ambiente altamente insalubre que essa quadrilha criou nos últimos anos. Salve o dia de São João, Salve!!!