segunda-feira, 24 de novembro de 2014

MOTO QUE GABAS USOU PARA VIAJAR PELAS AMÉRICAS CUSTA 140 MIL REAIS, O MODELO MAIS BARATO. OSTENTAÇÃO DE RIQUEZA DE GABAS IMPRESSIONA E DEVERIA SER OBJETO DE APURAÇÃO SE ESTE FOSSE UM PAÍS SÉRIO.

A matéria que mostra Gabas ostentando uma viagem de moto ao Chile, a bordo de uma Harley Davidson de luxo, no mesmo momento em que APS desabam no Espirito Santo e a fila explode no país, causou revolta e indignação entre servidores do INSS que procuraram este blog para desabfar.


Fomos ver melhor as imagens e fomos a uma loja da Harley Davidson. O modelo é o CVO. Uma CVO Limited 2014 tem o preço basal de R$ 139.100,00 


http://www.harley-davidson.com/content/h-d/pt_BR/home/motorcycles/2014-motorcycles/cvo/cvo-limited.html#!overview

Isso representa cerca de 10 meses do salário de secretário-executivo de Gabas, inteiros, sem gastar um centavo sequer:


O preço da moto que Gabas usa em suas viagens representa a GDASS de 56 servidores. E dizem que ele teria mais de uma moto, conforme denúncia feita na matéria sobre ele e o vice-presidente argentino.

Esse tipo de viagem não é barato, é muito mais caro fazer assim, e sabemos que o comissário não é de dormir em hotel de beira de estrada...

Se Gabas fosse solteiro, vá lá. Mas tem família e filhos, filhos fazendo faculdade, uma recentemente terminou um caríssimo curso de medicina pago, numa das escolas médicas mais caras do Brasil e está em São Paulo fazendo pós-graduação. Fora os outros custos inerentes à sua posição.

Em qualquer país decente um servidor de alto escalão como ele que manifestasse sinais de riqueza como ele vem ostentando seria alvo de ações investigativas de controladorias e similares. Mas no país do "nunca antes", parece que Gabas acredita que nada irá lhe acontecer, pois a própria CGU vem se esquivando de dezenas de denúncias contra o comissário.

Mas os servidores do INSS, aviltados pela GDASS maligna e pela GDAPMP injusta e presos na coleira do turno estendido, deveriam repudiar em uníssono essa postura "playboy" do comissário e exigir das autoridades uma investigação ou então que ele ensine aos servidores como gerir finanças de forma a sobrar 140 mil no caixa para gastar em motos, sem deixar faltar nada na mesa da casa.

3 comentários:

Eraldo Simões disse...

nos corredores das APS´s chamam o IMA-GDASS de HIMEM-GDASS.

O problema é quando rompe!

Será este o rompedor de HIMEM-GDASS ?!?!

Snowden disse...

Blogueiros são invejosos!
Queriam era fazer uma viagem pelo Chile numa maquina dessas, isso sim!

Esqueceram que o Companheiro Gabas recebe vários Jetons, como a companheira Mirian Belchior, do planejamento?!

Jeton também é renda, é dinheiro, dá mais de 30 mil por mês, juntando 4 meses dá a moto, isso sem contar o tempo que trabalhou como Contador em um lance aí no passado...deu pra fazer um caixa...invejosos, virem o olho gordo pra lá ok?!

julioclcampos disse...

Sempre quis ter uma Harley desta, mas a grana nunca vai dar....