sábado, 22 de junho de 2019

JORGE OG TETRACAMPEÃO.

DOU de 19 de junho publicou a exoneração do petista Jorge Og do cargo de chefe do Serviço Social do INSS. Nomeado pelo igualmente petista Saulo Milhomen, o homem que está levando o INSS para as nuvens (de Andrômeda), Og só durou um mês no cargo. A casa desse petista caiu de novo. Será que ele não aprende? 

Já é a terceira vez - desde a queda de Elisete Berchiol e a renca do PT em 2016 - que Jorge Og tenta uma boquinha no Edifício Central em Brasília mas não durou muito tempo. 

Após ter exposto neste blog suas opiniões sobre a reforma da previdência e de ter ido parar até em coluna de circulação nacional, seu cargo de chefe do Serviço Social virou pó.

Viu como saiu caro aquela doaçãozinha pro Marcelo Freixo em 2016? 

Com três exonerações desde 2017, Jorge Og já pode pedir música no Fantástico. Mas se formos considerar a exoneração que ele teve em 18/05/2016, ainda sob o governo petista (um recorde!!), Jorge Og já pode se considerar TETRACAMPEÃO.

É TETRA.....

Na época, Jorge Og foi exonerado por não ser considerado confiável, segundo e-mail ao qual tivemos acesso exclusivo. O que dizer de uma pessoa que não era considerada confiável até mesmo para aquela farândula de sectários que (des)governou o país até 2016?

Com esse currículo de pés na bunda, Jorge Og agora só está atrás do HEXACAMPEÃO Robinson Nemeth, conhecido também como o cara da "portaria sem efeito".

Nenhum comentário: